sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Compositores de um Caso: Reflexões Compartilhadas


Se neste momento ouvisses a minha voz
Se neste momento percebesses o meu pensamento
Se a união de tu e eu fosse nós
Se entendesses a complexidade deste sentimento...


Se o mar que ouves fosse aquele,
Aquele que a noite acompanha
Se aquele doce passado não voltasse
Não estaria nesta situação estranha...


Se eu não temesse tanto o futuro
Quanto o desejo abraçar,
Se não existisse este infindável muro
Que me impede de te amar...


Se eu encontrasse a solução,
As respostas que a alma pretendia
Se eu fosse mais forte que o amor
Juro que não te amaria...


Se eu fosse maior que esta emoção
Este não seria o nosso conto,
Se dominasse o meu coração
Esta relação teria um ponto [final]...


Se houvesse um tempo para me controlar,
Encontraria a paz para a alma
Se eu estivesse onde preciso seria
Uma pena a cair com doce calma...


Se o elo que nos junta
Não fosse uma complexidade composta,
Se eu não temesse a pergunta
Ouviria o murmúrio da tua resposta...


Se todas as perguntas dependessem de mim
Desejaria saber se as respostas seriam ideais
Se outrora possuísse o conhecimento
As atitudes jamais seriam iguais...


Se cada gesto, cada palavra tua
Não me marcasse como uma tatuagem,
Se observasse a verdade nua
Talvez este fosse um amor de passagem...


Se juntos pudéssemos entrar naquele mundo
Aquele que me acompanha em pensamento
Se pudéssemos sentir e permanecer
Num eterno e doce momento...



Se a porta a que bato
Se abrisse para mim voluntariamente,
Se este amor fosse um facto
E não uma ilusão permanente...


Pedro e Cristina

3 comentários:

Anónimo disse...

Dupla fantástica
xD

Anónimo disse...

As aulas de psicologia também servem para escrever poemas loOol XD
*Cristina*

ShakiJúnior disse...

Já sinto a falta de escrever contigo!! i miss u baby
kiss***
*Cristina*